Consepro oficializa doação de viatura a DPPA





Órgão também apresentou seu plano para aquisição de 40 câmeras para videomonitoramento

A força coletiva da comunidade regional foi destacada nesta terça-feira (30), durante a entrega de uma caminhonete Ford Ranger à Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) de Bento Gonçalves, como fator de integração da Serra no combate à criminalidade. O ato, conduzido pelo Consepro do município no Centro da Indústria, Comércio e Serviços (CIC-BG), simbolizou uma conquista não só para as forças policiais, mas também para a região: a união de municípios para oferecer melhores condições de trabalho aos órgãos de segurança.
Os quase R$ 120 mil investidos no veículo foram financiados pela Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) e pelo Sindicato do Comércio Varejista (Sindilojas) de Bento Gonçalves e, principalmente, pelo Consórcio Intermunicipal de Desenvolvimento Sustentável da Serra Gaúcha (Cisga). “A gestação de uma Ranger demora 10 meses”, brincou o presidente do Consepro, Laércio Pompermayer, mencionando o tempo em que o veículo precisou para ser orçado e equipado com cela, sirene e capota após a conquista dos recursos. “Procuramos fazer tudo com três orçamentos, para ter transparência e não corrermos nenhum risco”, justificou, anunciando o início de uma campanha de sensibilização da comunidade para a aquisição de 40 câmeras para Bento.
O presidente do CIC-BG, Elton Gialdi, destacou a participação do delegado de Garibaldi, Clóvis Rodrigues de Souza, para incluir o Cisga na busca dos recursos e também salientou a atuação dos prefeitos da região para que o objetivo fosse alcançado. “Todas conquistas que estamos tendo é em função de muito trabalho, muita união e muita dedicação em prol da mesma causa”, elogiou.
O delegado regional, Paulo Roberto Rosa da Silva, destacou a utilidade que o veículo terá no desenvolvimento do trabalho da polícia. “É uma viatura que terá ainda mais importância com a chegada do novo presídio de Bento Gonçalves, porque é adequada para o transporte de presos. Só temos a agradecer a todas as entidades que colaboraram nesse investimento e o envolvimento da comunidade, que o Consepro muito bem sabe fazer em Bento Gonçalves”, disse.
Para o presidente da Associação dos Municípios da Encosta Superior do Nordeste (Amesne), Waldemar de Carli, a entrega do veículo foi simbólica: “precisamos aprender a trabalhar regionalmente, as ações que estão sendo desenvolvidas numa cidade podem se estender a toda nossa vizinhança. Acredito que a entrega dessa viatura simboliza essa integração que nós precisamos”. O prefeito de Bento, Guilherme Pasin, endossou a importância do envolvimento regional para solucionar as demandas da Serra. “É preciso destacar o trabalho do Cisga. São 17 municípios que concentram esforços regionais para custear nossas necessidades a fim de servir melhor nossas comunidades”.

Presidente da Associação dos Municípios da Encosta Superior do Nordeste, Waldemar de Carli



Campanha para ampliar monitoramento eletrônico da cidade
O Consepro também apresentou a campanha Bento+Segura, a fim de aumentar o monitoramento por câmeras na cidade. A intenção é sensibilizar a comunidade para a aquisição de 40 câmeras a serem instaladas em pontos já estrategicamente mapeados pelo 3º Batalhão de Policiamento de Área Turística (3º BPAT). Com isso, Bento passaria a contar com 70 câmeras de vigilância, operadas no Centro Integrado de Operações, dentro do quartel da BM – o espaço foi inaugurado ano passado, com recursos do CIC, Movergs e Sindmóveis. “Também haveria interação com as câmeras do cercamento eletrônico da cidade e outras que estariam ao longo da BR-470, de acordo com a Polícia Rodoviária Federal. Com isso, as forças policiais poderiam realizar suas tarefas de maneira mais assertiva”, diz Pompermayer. “Vamos buscar recursos para a aquisição das câmeras e contar com o poder público, pois queremos uma Bento Gonçalves cada vez mais segura”, continuou. Junto com os softwares que permitem reconhecimento facial e geração de imagens com alto grau de resolutibilidade, as câmeras teriam um custo aproximado de R$ 240 mil.

Presidente do Consepro, Laércio Pompermayer 


Mais policiamento na Serra
Durante o evento, o delegado regional, Paulo Roberto Rosa da Silva, disse que, a partir de 15 de novembro, Bento Gonçalves estará contemplada na Operação Serra, com o aporte de policiais civis à região. O reforço ficará na Serra até 15 de janeiro, por conta do aumento do turismo neste período.
Além disso, outros seis servidores de Porto Alegre estão atuando em Bento Gonçalves, por conta do aumento nos casos de homicídio registrados na cidade. A cidade também recebe, a partir do próximo dia 11, uma turma de alunos em formação para atuar como brigadianos. Com isso, cresce a expectativa de autoridades para que parte desses novos soldados permaneçam no policiamento da cidade.
O presidente do CIC, Elton Gialdi, ainda anunciou que a entidade e o Consepro, em parceria com a Brigada Militar, estão desenvolvendo uma campanha educativa antiviolência e antidrogas. “A ideia é fazer algo nos moldes da campanha antitabagismo, que teve muito sucesso no país”, disse Gialdi.



Presidente do CIC-BG, Elton Paulo Gialdi


















Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Consepro quer instalar 40 câmeras em Bento Gonçalves

Consepro intermedia novos equipamentos para a PRF de Bento Gonçalves

Consepro apoia Fórum Nacional de Tecnologia e Inovação na Segurança Pública